Geral

Fios retirados de postes são transformados em cestarias no Centro de Convivência para Idosos

Foto: Márcio Brasil/Divulgação

Inaugurado em janeiro, o Centro de Convivência para Idosos, recentemente batizado de “João Batista Bitencourt Borges”, envolve o seu público-alvo com diversas oficinas.

Uma delas é uma oficina de cestaria a partir da utilização de fios excedentes retirados dos postes de energia. Conforme Rose Machado Pinto, essa oficina é um projeto social da Secretaria de Desenvolvimento Social, a partir de um projeto do vereador Fernando Oliveira.

Os fios são entregues pela Secretaria de Obras ao Centro de Convivência, onde as equipes dos Cras aprendem as técnicas de produção de cestas decorativas, em diferentes formatos, sendo úteis para guardar roupas, colocar vasos de plantas ou outros objetos, que podem ser comercializados para gerar renda. Inicialmente, os ensinamentos de produção de cestaria foram passados pela voluntária Sandra Piechaque.

A partir desse aprendizado, os facilitadores de oficinas levam essas práticas para serem aplicadas nos CRAS, com os usuários de cada um dos territórios, fazendo uso prático de um material descartado com uma solução sustentável.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade
Publicidade

Veja também