No ar:
Tá em casa - Ieda Beltrão    14h00min às 15h00min

Ouvir!     

» Geral » Saúde


31/01/2024 | 11h02min

Alerta para fatores de risco do câncer de pele

Adotar práticas simples, como evitar a exposição solar nos horários de pico e utilizar barreiras físicas, como roupas de proteção, são importantes na prevenção da doença

Foto: DivulgaçãoFoto: Divulgação

A Sociedade Brasileira de Dermatologia – Secção do Rio Grande do Sul (SBD-RS) destaca a importância da conscientização sobre os fatores de risco do câncer de pele, válido em qualquer período do ano, mas particularmente enfatizado durante o verão. A dermatologista da SBD-RS, Thais Grazziotin, ressalta que a preocupação com esses fatores é constante, sendo necessário redobrar a atenção nesta estação.

 

Indivíduos de alto risco, como aqueles com predisposição genética ou histórico familiar da doença, devem adotar medidas preventivas rigorosas. A Dra. Thais Grazziotin destaca a necessidade do uso diário e consistente de protetor solar com fator de proteção elevado, associado à aplicação de barreiras físicas, como roupas de proteção e chapéus, especialmente durante a exposição solar. A realização de exames dermatológicos regulares para monitorar alterações na pele é considerada essencial.

 

"A prevenção eficaz do câncer de pele requer a conscientização sobre os fatores de risco. É crucial buscar orientação médica diante de qualquer sinal suspeito”, afirma.

 

Indivíduos considerados de alto risco para o desenvolvimento de câncer de pele apresentam uma série de características, sobretudo aquelas associadas a fatores genéticos. Entre esses atributos, destacam-se pele clara e extremamente sensível ao sol, propensão a queimaduras, cabelos e olhos claros, presença de sardas ou múltiplos sinais de pele. Aqueles que já enfrentaram qualquer tipo de câncer de pele também estão mais suscetíveis a novas lesões e diagnósticos. Nesse contexto, a consideração tanto dos fatores genéticos quanto dos ambientais torna-se importante na identificação e monitoramento eficaz dos grupos de maior vulnerabilidade a essa condição de saúde.

 

A SBD-RS orienta a população a procurar profissionais dermatologistas em casos de suspeita. Os profissionais habilitados podem ser conferidos no site www.sbdrs.org.br


Veja também:


21/02/2024 | 10h23min

» Internacional: Associação alerta para uso de substâncias psicoativas por motoristas

21/02/2024 | 10h21min

» Politica: Senado aprova fim da “saidinha” de presos

21/02/2024 | 09h53min

» Saúde: Dengue: proprietários de imóveis em situação de abandono ou sujeira podem ser notificados


Comentários:


Voltar ao topo