No ar:
Tá em casa - Ieda Beltrão    14h00min às 15h00min

Ouvir!     

» Vida / Estilo » Beleza


26/12/2017 | 16h05min

Vinagre no cabelo: prós e contras dessa prática caseira

Ingrediente confere brilho capilar no ato; cuidado com a irritação capilar

Foto: DivulgaçãoFoto: Divulgação

Popular desde o tempo das nossas avós e queridinho entre meninas que preferem cuidar do cabelo no conforto do lar, o vinagre tem propriedades anti-inflamatórias, adstringentes e antibactericidas que ajudam a controlar a oleosidade do couro cabeludo e a reduzir a caspa. Já seu pH mais baixo, em torno de 2,5, ajuda — e muito! — a selar a cutícula dos fios, dando aquele brilho imediato e aspecto saudável que tanto buscamos.

 

Mas pergunta que não quer calar: com tanta opção no mercado, vale mesmo a pena cuidar dos fios com vinagre? “Atualmente há produtos disponíveis que fazem o mesmo efeito que truques caseiros, com a diferença de que os ativos são realmente desenvolvidos pensando no problema capilar. O uso do vinagre pode ser bacana em um dia de spa com as amigas, para diversão”, sugere Carla Vidal, dermatologista de São Paulo.

 

Caso queira se jogar na brincadeira, opte por vinagre de maçã, rico em ácido málico e outras enzimas e bactérias benéficas para a saúde dos fios e do couro cabeludo. Mas saiba que todo o cuidado é pouco no momento da aplicação. “Por ser bastante ácido, o ingrediente pode causar dermatite de contato em quem tem sensibilidade”, alerta o dermatologista Amilton Macedo, também de São Paulo. Por isso, o recomendado é diluir o produto em água (de preferência fria) sempre.

 

 

Outra dica esperta: misture o vinagre a um leave-in, perfume próprio para cabelo ou até a gotas de óleo essencial de lavanda para amenizar o cheiro forte (que é insuportável para algumas pessoas).


Veja também:


19/09/2018 | 11h13min

» Moda: Gisele Bündchen está irreconhecível na nova edição da Vogue Itália

19/09/2018 | 10h34min

» #aguanaboca: Docinho de mandioca

19/09/2018 | 09h37min

» #ficaadica: Melhores Sucos Detox emagrecedores para perder barriga


Comentários:


Voltar ao topo